Arídio Cabral Advogados Associados

Publicações » Notícias « voltar

Cúpula da segurança realiza Reunião de Nível 1

O objetivo é melhorar os resultados de redução dos indicadores estratégicos nas 7 RISPs.

O Secretário de Estado de Segurança, Richard Nunes, e as cúpulas das policiais Civil, Militar e do Instituto de Segurança Pública participaram na quinta-feira, dia 23 de março, da Reunião de Nível 1 de Acompanhamento dos Resultados do Sistema de Metas do quarto trimestre de 2017. A finalidade do encontro, realizado no Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), é fazer uma análise da criminalidade nas sete Regiões Integradas de Segurança Pública (RISPs) para aprimorar as ações e melhorar os resultados de redução dos indicadores estratégicos.
“Realizamos aqui a primeira Reunião de Nível 1 sob a minha gestão. Estamos tratando de um realinhamento estratégico, inclusive sobre a aplicação de recursos que vão ser aportados à intervenção federal na segurança do nosso estado”, declarou o Secretário de Segurança.
Richard afirmou que deseja uma Polícia Civil capacitada e fortalecida, com uma excelente qualidade investigativa para elucidação de crimes e uma Polícia Militar de caráter ostensivo, reprimindo e prevenindo a prática de crimes em virtude da sua presença. “As polícias têm que trabalhar perfeitamente integradas. Quanto melhor for a atuação da Polícia Militar, melhor será o trabalho da Polícia Civil, e vice-versa. Precisamos ter instituições sólidas e valorizar os bons profissionais”, disse.
Para o Chefe de Polícia Civil, Rivaldo Barbosa, a sociedade precisa das polícias fortes. “O Coronel Laviano é um ótimo profissional e não vamos admitir qualquer tipo de ação que não seja de integração plena. Essa integração trará dias melhores para o Rio de Janeiro”, afirmou.
O Comandante-Geral da Polícia Militar, Coronel Luis Claudio Laviano, ressaltou que este é um momento de união das forças do bem.
 “Vamos nos empenhar em instruir nossos policiais. Por meio da instrução, vamos conseguir motivá-los e preservar o maior bem que nós temos: a vida”.
O Estado está dividido em sete Regiões Integradas de Segurança Pública (RISPs), que por sua vez são dividas em 39 Áreas Integradas de Segurança Pública (AISPs). Uma AISP corresponde à área de um Batalhão e de preferencialmente uma a seis delegacias da Polícia Civil que atuam na Região. Essa divisão geográfica de atuação das polícias, chamada de RISP, tornou-se uma instância de articulação regional e tem como objetivo mais eficiência no monitoramento de metas e ações planejadas; mais sinergia entre ações das Polícias Civil e Militar; além de maior compartilhamento de informações.

 
Homenagem aos policiais

 
Durante o intervalo da Reunião de Nível 1, o secretário Richard Nunes fez uma breve declaração à imprensa. “Gostaria de prestar solidariedade aos familiares dos policiais que faleceram ontem, dois deles em serviço. A Divisão de Homicídios está investigando esses crimes com prioridade”, declarou o secretário. 

Fonte:www.rj.gov.br



Últimas notícias

Arquivo